matrícula:
senha:
 




13/02/2014 - Suco caseiro na lancheira? Sim!
 

Na hora de fazer o lanche, uma das maiores preocupações dos pais é o que mandar de suco para seu filho. Os naturais são, de longe, os mais saudáveis, mas será que não perdem todas as suas propriedades até a hora de serem consumidos?

As vitaminas das frutas, principalmente a vitamina C, sofrem oxidação quando em contato com o oxigênio, fazendo com que perca sua eficiência. Isso quer dizer que, quando comemos a fruta cortada em pedaços ou sob forma de sucos, já ocorre diminuição no teor de vitaminas.

Estudos mostram redução significativa após cerca de 4 horas de exposição (suco pronto). Apesar dessa perda, que varia entre 30 e 50%, muitas frutas podem ser utilizadas nas lancheiras, como suco de melão, abacaxi, acerola e maracujá, pois sofrem menos oxidação e, por isso, não têm grandes alterações no sabor em até 6 horas.

A oxidação ocorre com a exposição à luz e calor, além do oxigênio. Se garrafas pequenas e escuras forem utilizadas, as perdas são menores. O ideal é usar garrafas pequenas, para quem fiquem quase cheias e, consequentemente, menos oxigênio.

Em suma: o melhor é fazer o suco em hora próxima a de ir para a escola, colocando a bebida em uma garrafa escura, pequena, enchendo-a e vedando-a bem.

“Ah, mas o suco de caixinha não dá todo esse trabalho, nutricionista.” Lembre-se sempre que as versões industrializadas são recheadas de corantes, aromatizantes, estabilizantes, acidulantes, antioxidantes e aditivos alimentares (ufa, quanta coisa!). Em excesso, essas substâncias podem causar alergias, disfunções metabólicas e digestivas, e até câncer. Até hoje, ninguém conseguiu mensurar a quantidade para que esses danos ocorram, mas você certamente não quer correr o risco de oferecer alimentos perigosos à saúde do seu filho, não é?

E, então, vamos para a cozinha fazer um suco caseiro?






 

Copyright, © 2017, Centro Escolar Aquarela. All rights reserved. Direitos autorais reservados. Reprodução proibida.
Projeto Web: Insenic Interactive do Brasil